1 1
Home Quem escreve Meus livros Contato

terça-feira, 11 de julho de 2017

DEITE QUE LOGO A LUA SE LEVANTA


Deite que logo a lua se levanta... 
E das alturas mais belas do céu 
Passa a te iluminar só com o véu... 
Com o límpido véu que tanto encanta;

O meu olhar perdido na luz tanta 
Da noite cheia de estrelas ao léu... 
Sou como elas... sou só um feliz réu 
Que dos amores do coração canta... 

E canta nessa voz doce e tranqüila 
Uma amizade que suspira e corre 
Feliz pelo jardim repleto em flores;

Canta feliz para as rosas em fila... 
Sorrindo para a noite que não morre 
E não vive menina, sem amores;